Portuguese English French Italian Spanish

LACTOSE 0%

 

 

lactose 0

 

 

 DIFERENÇA ENTRE LACTOSE HIDROLISADA E REMOÇÃO DA LACTOSE NOS PRODUTOS LÁCTEOS.

 

A galactosemia caracteriza-se pela inabilidade de converter galactose em glicose, desta maneira, o paciente não pode consumir alimentos que contenham galactose e/ou lactose, que é precursora da galactose.

 

Muitas pessoas acreditam que, sendo o alimento livre de lactose, este pode ser consumido pelos galactosêmicos. Porém, deve-se prestar atenção no processo tecnológico que deixou o produto isento de lactose, caso este seja um alimento que contenha este dissacarídeo em sua composição: se o produto passou por processo de hidrólise enzimática da lactose, não será apropriado à dieta de galactosêmicos.

 

A lactose é o açúcar do leite, um dissacarídeo que fica dissolvido na parte líquida do leite. A lactose em sua forma original, não pode ser absorvida em nosso intestino. Para isso acontecer, precisa ser quebrada (hidrolisada) e se transformar em glicose e galactose, os dois monossacarídeos que a compõem. A responsável por essa quebra é a enzima lactase, produzida na parte inicial do intestino de pessoas que não são intolerantes à lactose. Os intolerantes à lactose tem pouca ou nenhuma produção dessa enzima, desta maneira, só podem consumir produtos lácteos que tenham passado por esta quebra antes de ingeri-los. É este o processo que a indústria de laticínios faz ao adicionar a enzima, produzida por microrganismos, à matéria-prima durante o processamento.

 

Sendo assim, os produtos hidrolisados, mesmo não contendo lactose, continuam contendo galactose, não podendo ser consumidos por galactosêmicos. Para que produtos lácteos possam ser consumidos por este público, a lactose precisa ser removida, e não hidrolisada, como é o caso da maioria dos queijos maturados. No processo de fabricação do queijo a caseína, gordura, sais minerais e outros componentes menores são separados do soro. Estando a lactose dissolvida no soro, grande parte do teor de lactose dos queijos é removida durante a separação do soro e prensagem. Resíduos ainda permanecem no produto, pois o queijo mantém certa umidade, mas as bactérias lácticas adicionadas no processo de fabricação consomem a lactose residual durante a maturação do queijo, restando apenas traços de lactose no produto pronto.

 

Este é o caso de queijos como o Pecorino, Parmesão e outros queijos maturados, dependendo do processo de fabricação de cada empresa. É indicado sempre consultar o seu médico ou nutricionista antes de consumir estes produtos, para que ele possa informar quais os produtos mais indicados para o tipo de galactosemia do paciente.

 

Texto: Marcela Czarnobay – Tecnóloga da Alimentos / Casa da Ovelha.

botao voltar
Cadastre seu email para receber notícias periodicamente.

galactosemiafooter2

 

Купить новостройку с отделкой. Где купить однокомнатную квартиру в новостройке? Купить новостройку недорого. Оценка стоимости недвижимости. Какая рыночная оценка недвижимости? Принципы оценки недвижимости. Теплый пол своими руками. Как сделать теплый пол в доме. Монтаж водяного теплого пола. Не включается ноутбук. Скажите почему не включается ноутбук. Ноутбук включается и сразу выключается. Быстрый кредит наличными. Где быстро взять кредит без справок. Оформить быстрый кредит. Топ wow сервера. Где скачать последний клиент wow? Самый лучший сервера world of warcraft. Ленточная пилорама цена. Ленточная пилорама своими руками чертежи. Скачать чертежи ленточной пилорамы. Аренда квартир без посредников. Длительная аренда квартир без посредников и прочих. Аренда однокомнатной квартиры.